Holocausto (Ben Abraham) | Por Carol Sant 

O livro é narrado pelo próprio autor "Bem Abraham", que foi surpreendido pela guerra aos 14 anos, natural da Polônia. Ben perdeu todos os seus familiares durante a guerra e passou 5 anos nos campos de concentração
Ben sobreviveu por milagre e jurou contar a mundo os horrores que viveu e testemunhou. Com sua excelente memória sobre o período de guerra, escreveu alguns outros livros e se tornou um Best Seller. 
O autor utiliza uma linguagem clara e fácil de entender, com fatos que o próprio Ben testemunhou, fatos horrendos que são narrados neste livro. 
O livro também contém fotos da época como provas das crueldades dos carrascos da Alemanha. Foi um livro muito difícil de digerir e aceitar, percebi ao decorrer da leitura que o autor foi totalmente honesto e diz sem medo coisas que com certeza me fizeram chorar. 
Ao ler o livro me vi horrorizada com tamanhas barbaridades que eram cometidas no campo de concentração, assim como nas, câmaras de gás. É doloroso de acreditar que um povo tenha em algum momento se sentido superior a qualquer outros povos. Heróis foram os judeus e todos aqueles que morreram lutando contra os nazistas. 
Recomendo muito que leiam este livro, não só para saberem mais sobre a história de uma guerra, mas sim, para terem em mente as crueldades que seres,humanos, como nós, cometeram com outros seres humanos, seus semelhantes. 
Para que a a II Grande Guerra nunca venha a se tornar uma III, para que lembremos sempre que não somos superiores a ninguém, que temos os mesmos direitos mas infelizmente, ainda lutamos pela mesma igualdade.

- Carol Sant